Olá amigos e amigas. Os pokémons inicias da geração XY caíram no gosto dos players, Delphox e Greninja chegaram com vontade no primeiro Set do bloco e agora, quase no fim da era XY, retornam para as mesas de jogo e para o meta. E hoje vamos falar do sapo ninja.

   Greninja Break tem demonstrado ser um excelente anti-meta, abatendo sem muitas dificuldades grandes pokémons EX e os temidos Night March. Sua habilidade de colocar muitos marcadores de dano, tem tornando este pokémon temido nas mesas de jogo e eficiente para se conseguir vários prêmios em um mesmo turno. Juntando seu poder de causar muitos danos e seu alto HP, Greninja Break vem se popularizando pelo mundo e conseguindo jogar de igual para igual com os top decks do Formato Standard. Vamos à lista?

 

A LISTA

GRENINJA BREAK / OCTILLERY

Pokemon (18)

3x Greninja BREAK greninja-break-breakpoint-bkp-41
3x Greninja (BREAKpoint, nº  40)
1x Greninja (XY, nº 41)
4x Frogadier
4x Froakie
1x Octillery
1x Remoraid
1x Mr.Mime (BREAKtrough, nº 97)

Trainer (34)

4x Professor Sycamore
2x Wally
2x Fisherman
1x Lysandre
1x Ace Trainer
1x Skylaoctillery-breakthrough-bkt-33
4x VS.Seeker
4x Trainer’s Mail
4x Dive Ball
2x Level Ball
1x Ultra Ball
1x Sacred Ash
1x Startling Megaphone
2x Battle Compressor
1x Professor Letter
3x Rough Seas

Energia (8)

8x Water Energy

 

Greninja Break - Octillery

 

        O primeiro comentário fica por conta da ausência do Shaymin-EX, sim, com a ascensão de Target Whistle no meta, muitos jogadores preferiram buscar mecânicas menos arriscadas para compras extras, optando por Unown, ou o Octillery como neste caso. Pode parecer estranho a primeira vista, mas, logo veremos como é mais vantajoso usar o polvo do que o Shaymin EX nessa estratégia.

         Greninja terá a função de carregar o deck nas costas, contudo, como a versão BREAK conta com 170 de HP, isso não é tão difícil, ainda mais por conseguirmos curar esse pokémon com o estádio Rough Seas.greninja-breakpoint-bkp-40 O Greninja da coleção BREAKPoint (Turbo Colisão) é muito eficiente e rápido, atacando apenas com uma Water Energy. O ataque Shadow Stitching causa 40 de dano e desliga as habilidades dos pokémons do oponente por um turno, prevenindo assim, que o adversário possa usar habilidades como Set Up, Farewell Letter e Tasting. Já o Moonlight Slash causa 60 de dano e, se retornarmos a Water Energy para a nossa mão, o dano passa para 80. O Greninja da XY funciona como um complemento, gerando danos no campo na medida da necessidade, assim como o Greninja BREAK, possibilitando nocautes de EX’s em um ou dois turnos, dependendo da situação.

       Para acelerar as evoluções usaremos o supporter Wally, além disso, o ataque Water Duplicates do Frogadier ajuda a saltar um estágio de evolução, trazendo outros Frogadier’s direto para o nosso Banco. Sim, isso mesmo, mesmo sendo um deck de estagio 2/3, ele tem uma velocidade impressionante. E para proteger nossos Froakie’s e Frogadier’s no Banco, contaremos com Mr.Mime, evitando assim que o oponente consiga eliminar nossos pokémons antes de montarmos os Greninja’s.

         Outro aspecto impressionante da lista é o fato de conseguirmos buscar pokémons sem descarte, tudo pode ser buscado com as diferentes Pokéballs aqui presente, Level Ball para os pokémons de menos HP, Dive Ball para os Pokémons do Tipo Water,fisherman-breakthrough-bkt-136 e uma Ultra Ball para casos de extrema necessidade, onde precisemos diminuir o número de cartas em nossa mão para usar a habilidade de Octillery. O item Battle Compressor ajuda a descartar Energias Básicas e supporter’s para serem resgatados da Pilha de Descartes (Supporter’s pelo VS.Seeker e Energias pelo Fisherman), filtrando o baralho e trazendo recursos para a nossa mão. Somado a isso, Trainer’s Mail e Skyla, que permitem a compra de trainer’s extras no turno, trazendo a velocidade e o ritmo desejado para a partida.

        Ace Trainer é uma escolha interessante para essa lista, pois, com uma desvantagem na troca de prêmios por algum motivo, podemos diminuir a mão do oponente, e trazer novas cartas para a nossa, mantendo a constância no início ou no fim da partida.

 

OPÇÕES

 

         A primeira carta a ser citada aqui será a Splash Energy. Essa Energia Especial permite retornar o pokémon abatido ao qual ela esteja ligada para nossa mão, assim, as perdas são minimizadas e teremos sempre os recursos na mão necessários para evoluirmos mais sapos.

        Como o Greninja consegue retornar a Water Energy ligada a ele com o ataque Moonlight Slash, Max Potion é o item ideal para tornar o Greninja um alvo difícil de abater.max-potion-breakpoint-bkp-103 Essa poção cura totalmente um pokémon e descarta todas as energias ligadas a ele, mas, como Greninja as retornam para a mão quando ataca e só precisa de uma energia para atacar, não há aspecto negativo em usar Max Potion na lista. Outra carta interessante de se usar aqui é a tool Muscle Band, que vai aumentar seu dano em +20, ajudando nossos sapos a nocautearem pokémons menores em apenas um ataque ou até mesmo os grandes pokémons EX com o auxilio das habilidades de Greninja (XY) e Greninja Break.

 

CONCLUSÃO

 

       Greninja é rápido, sniper e forte, contudo tem alguns pontos fracos que desestruturam toda a sua estratégia. Pra começar temos sua fraqueza para o tipo planta, sendo um estágio 2, este pokémon sofre imensamente para os decks de planta que estão jogando, já que estes não tem nenhuma dificuldade em abater nossos sapos, pois são mais rápidos.

        A grande dificuldade mesmo para este deck é o bloqueio de itens, Seismitoad-EX e Vileplume podem bloquear o uso das Ball’s e dos Vs.Seker’s, o que faz com que este deck perca sua aceleração e seu poder de dano, assim já podemos concluir que enfrentar Vespiquen / Vileplume será praticamente auto-loss se o oponente conseguir monta-las no primeiro turno. O bloqueio de habilidade também poderá ser uma barreira difícil de se transpor, já que você também perderá o dano extra dos Greninja’s e a aceleração através da habilidade do Octillery.

       Muitos (e me incluo nesse grupo) não viam futuro em um BREAK de um pokémon estágio 2, por parecerem lentos de montar e de se colocar em jogo, ainda mais com tantos Pokémons-EX no formato e alguns speed decks no meta, tudo parecia apontar para um desfecho negativo para essa mecânica, contudo, queimamos a língua, alguns BREAK’s se provaram divertidos e competitivos nessa temporada e tomara que mais deles apareçam nas mesas pelo mundo à fora.

          No mais, é isso. Boa jogatina a todos e nos esbarramos por aí.

 

donates 1

Salvar

Anúncios