Ola treinadores, bem vindos a Delta Pokémon.
Metagame não é o foco da Delta Pokémon, mas como estamos sempre estudando o meta dos principais campeonatos do mundo, jogando em grandes torneios por aqui e testando muitos decks, as vezes, nos aventuramos pelas terras tendenciosas do mundo competitivo.

       Nesse mês de Novembro tivemos o inicio da temporada de torneios Regionais no Brasil, que será todo disputado no Formato XY – Ancient Origins (Origens Ancestrais). Por isso os decks que vem despontando nos Top’s dos Regionais, serão os deck’s Tier 1 do meta até o fim de Janeiro, pelo menos.

            *Quero deixar claro que todas as decklist desta matéria serão apenas para que os leitores tenham uma noção dos decks analisados, pois muitos jogadores preferem não divulgar sua listas, dificultando uma analise fiel dos decks campeões. Os resultados completos dos torneios podem ser encontrados na nossa matéria Resultados dos Regionais do Brasil.

                  As decklists presentes nesta matéria estão nesta ordem:

  • MEGA RAYQUAZA EX / HOOPA EX
  • MIENSHAO / HAWLUCHA
  • YVELTAL / REGIROCK
  • RAICHU / BATS
  • MEGA MANECTRIC EX / REGICE
  • ENTEI / PYROAR
  • LUCARIO EX / BATS
  • GIRATINA EX / AROMATISSE
  • PRIMAL GROUDON EX / HAWLUCHA
  • SEISMITOAD EX / GIRATINA EX
  • NIGHT MARCH / MILOTIC
  • SCEPTILE EX / BATS

 

ESTATÍSTICAS

             A matéria ficou muito grande, então vamos resumi-la aos dados que interessam aos Pro-Player’s para analisarmos os decks que realmente estão levando vantagem nos Regionais. Vamos colocar os resultados em gráficos e tabelas e assim descobrir quais os deck mais fortes e mais consistentes do Brasil.

DECKS TOP 1 TOP 2 TOP 4 TOP 8 % p/ Frequência
MEGA RAYQUAZA (INCOLOR) 1 1 3%
MIENSHAO 1 1%
LUCARIO EX / BATS 2 2 3 6 18%
NIGHT MARCH 1 1 5 4 15%
MEGA MANECTRIC / REGICE 1 3 9 18%
YVELTAL / REGIROCK 3 4 3 14%
RAICHU / BATS 1 2 4%
GIRATINA EX / AROMATISSE 5 7%
ENTEI / PYROAR 1 1%
PRIMAL GROUDON 1 1 2 6%
SEISMITOAD EX / GIRATINA EX 1 1 2 6%
SCEPTILE EX / BATS 1 1%
MANECTRIC EX / WOBBUFFET 1 1 1 4%
VESPIQUEN / BATS 1 2%


GRAFICO top 8

GRAFICO top 4


 

OS REGIONAIS

         Nossos Regionais começaram no estado de  São Paulo, na Comics Games em São Caetano, no dia 07/11, já com uma grande surpresa. Durante a pré-temporada dois decks vinham despontado como grandes promessas, Mega Manectric EX / Regice e Mienshao, nenhum dos dois decepcionou, mas fomos todos surpreendidos pelo Mega Rayquaza EX do Argentino mais Brasileiro que eu conheço. Felipe Ponce levou esse deck a uma incrível e improvável vitória, e de quebra garantiu uma viagem para o mundial de 2016.

O Top 4 do Regional da Comics ficou assim:

1- Felipe Ponce – Mega Rayquaza Incolor)
2- Rodrigo Gianni- Mienshao
3- Thiago Giovanetti- Lucario / Bats
4- Augusto Lespier- Night March

 

MEGA RAYQUAZA / HOOPA EX

Pokémon (16)

4x Rayquaza Ex m-rayquaza-ex-roaring-skies-ros-76
3x M Rayquaza Ex
3x Hoopa Ex
4x Shaymin Ex
1x Altaria
1x Swablu

Trainer (36)

1x Professor Sycamore
1x Winona
1x AZ
1x Xerosic
1x Pokémon Fan Clube
2x Lysandre
2x Hex Maniachoopa-ex-ancient-origins-aor-36
4x Vs.Seeker
3x Ultra Ball
4x Trainer’s Mail
3x Mega Turbo
2x Battle Compressor
1x Acro Bike
1x Switch
1x Escape Rope
1x Startling Megaphone
3x Rayquaza Spirit Link
4x Sky Field

Energias (8)
4x D.C.E
4x Psychic Energy
*Decklist Utilizada por Felipe Ponce

 

              A lista de Mega Rayquaza do Ponce é uma das versões mais rápidas que eu já vi deste deck. Basicamente a estratégia aqui é comprar 70% ou mais do deck ainda no primeiro turno, montando no mínimo um Mega Rayquaza Ex e causando danos altíssimos o quanto antes, não dando nenhuma chance para o oponente montar seu set-up. Toda a lista é pensada em cima das habilidades de Hoopa Ex e Shaymin Ex para que você não precise depender em momento algum de supporter’s de Draw, a lista é tão consistente que à apenas um Professor Sycamore para cumprir esta função e um numero maior de Lysandre, para nocautes específicos, e Hex Maniac para se Livrar de Giratina’s Ex e Aegislash Ex.

M.Rayquaza 4


MIENSHAO / HAWLUCHA

Pokémon (12)

4x Mienshaohawlucha-furious-fists-frf-63-ptcgo-1
4x Mienfoo
4x Hawlucha

Trainer (40)

4x Shauna
4x Korrina
3x Tierno
2x Professor Sycamore
2x Lysandre
4x Vs.Seeker
4x Robo Substitute
2x Ultra Ballmienshao-furious-fists-frf-57-ptcgo-1
2x Level ball
1x Sacred Ash
1x Eco Arm
3x Muscle Band
4x Focus Sash
4x Fighting Stadium

Energias (8)
4x Fighting Energy
4x Strong Energy

         

       Mienshao é um deck muito legal de se jogar, a estratégia aqui é basicamente negar os nocautes e evitar que o oponente pegue prêmios. Cartas como Focus Sash e Robo Substitute são uma pedra no sapato para quem o enfrenta, tornando seus Mienshao’s quase imortais. Hawlucha é o atacante forte do deck, causando muitos danos nos Pokémon Ex do oponente com apenas uma energia.

         Um dos maiores inimigos deste deck são nossos queridos morcegos, suas habilidades de colocar marcadores de dano, inutilizam as tools Focus Sash, o que desestabiliza muito a defesa do deck e torna Mienshao presa fácil para pokémons que conseguem causar muitos danos de forma rápida.

Mienshao


             No segundo dia de evento tivemos outra incrível surpresa. No Regional da Academia de Jogos disputado na cidade de São Paulo no dia 08/11, Gabriel Semedo levou Yveltal as Finais, contra todas as probabilidades, devido ao alto numero de Mega Manectric’s e Raichu’s presentes. Não por acaso Semedo é um dos melhores jogadores do país, juntou a sua lista de Yveltal uma carta que ninguém dava nada, mais o que foi suficiente para derrubar muitos pokémons elétricos, Regirock não é uma carta boa, mais seus ataques são capazes de derrubar os principais atacantes elétricos do formato em apenas um Hit e com muito talento Yvelta / Regirock venceu Raichu / Bats na final.

O Top 4 do Regional da Academia de Jogos ficou assim:

1 – Gabriel Semedo- Yveltal / Regirock
2 – Rafael Branco- Raichu / Bats
3 – Thiago Giovanetti- Lucario / Bats
4 – Gustavo Wada- Night March

 

YVELTAL / REGIROCK

Pokémon (12)

4x Yveltalyveltal-xy-78-ptcgo-1
2x Yveltal Ex
2x Regirock
1x Druddigon
1x Lugia Ex
2x Shaymin Ex

Trainer (35)

4x Professor Sycamore
3x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x AZ
1x Ace Trainer
4x Vs.Seeker
4x Ultra Ballregirock-ancient-origins-aor-40
4x Switch
3x Muscle Band
2x Trainer’s Mail
2x Battle Compressor
1x Enhanced Hammer
1x Professor’s Letter
1x Silent Lab
2x Fadded Town

Energia (13)

4x D.C.E
6x Darkness Energy
3x Fighting Energy

 

            Yveltal é a arma deste deck, ele tem um bom HP (130) e seu ataque Oblivion Wing recupera energia da pilha de descartes, acelerando muito seu jogo. Apesar de sofrer quanto a fraqueza este deck leva vantagens em muito quesito. É um deck rápido, ataca forte com poucas energias, Todos os pokémons são básicos, os principais pokémons possuem uma quantidade alta de HP e tem resistência a Fighting. Mesmo com todas as qualidades, este deck não é tão simples de se usar, exigindo muita atenção do jogador para não ligar uma energia errada, ou calcular mal o dano que vai causar a o adversário.

          Entre o grandes inimigos deste deck, estão Mega Manectric e Raichu, além do sempre chato Seismitoad Ex, que recentemente se juntou a Giratina Ex para formar um deck muito duro de se enfrentar. As vantagens aqui são contra Mienshao e Lucario Ex, que sofrem muito para contornar a resistência dos Yveltal’s, e contra Night March.

Yveltal 6


 

RAICHU / BATS

Pokémon (22)

4x Raichuraichu-xy-43-ptcgo-1
4x Pikachu
4x Zubat
4x Golbat
3x Crobat
3x Shaymin Ex
Trainer (32)

4x Professor Sycamore
2x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x Hex Maniac
4x VS.Seekercrobat-phantom-forces-phf-33
3x Ultra Ball
3x Trainer’s Mail
4x Super Scoop Up
4x Sky Field
3x Muscle Band
2x Weakness Policy

Energia (6)

4x D.C.E
2x Lightning Energy

 

           O segundo finalista deste regional também foi uma surpresa. Raichu já provou sua força vencendo muitos torneios pelo mundo, mas com a alta popularidade de Mienshao e Lucario, que conseguem derrubar nossos ratinhos elétricos sem dificuldade, poucos apostaram neste deck.

         O deck de Raichu é muito rápido e os danos extras causados pelas habilidades de Golbat e Crobat, são o suficiente para ajuda-lo a derrubar muitos pokémon Ex em apenas um ataque. Mesmo com a desvantagem da fraqueza, este deck ainda leva grande vantagem contra decks que usem muitos pokémons Ex, por ser um deck 1 pra 2 ( ceder um prêmio enquanto ganha dois matando o Ex adversário).

Raichu 5


 

           A segunda semana dos Regionais aconteceu no Estado do Rio de Janeiro, logo no sábado dia 14/11 tivemos o Regional Point HQ, disputado na capital. Com o insucesso de Mega Manectric Ex e Mienshao em São Paulo, outros decks ganharam muito foco durante a semana que antecedeu o evento, Night March, Lucario / Bats, variações de Vespiqueen e Yveltal / Regirock, entraram para a lista dos mais cotados e apostando nessa onda de atacantes básicos foi que um deck surpreendeu a todos e chegou ao TOP 8. Mas antes de falar de Entei / Pyroar, vamos aos finalistas.

O Top 4 do Regional da Point HQ ficou assim:

1- Victor Freitas- Night March / Milotic
2- Lucas Peverso- Mega Manectric / Regice
3- Thiago Giovanetti- Lucario Ex / Bats
4- Cassiano Mendes(Chuck)- Yveltal Ex / Regirock

 

MEGA MANECTRIC / REGICE

Pokémon (12)

3x M Manectric Exm-manectric-ex-phantom-forces-phf-24
3x Manectric Ex
2x Regice
2x Articuno
2x Shaymin Ex

Trainer (36)

4x Professor Sycamore
3x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x Hex Maniac
2x Acro Bike
2x Trainer’s Mail
4x Vs.Seeker
4x Ultra Ballregice-ancient-origins-aor-24
3x Manectric Spirit Link
2x Muscle Band
3x Switch
2x Battle Compressor
4x Rough Seas

Energia (12)

5x Lightning Energy
4x Water Energy
2x D.C.E
1x Flash Energy

 

            Mega Manectric Ex é o melhor acelerador de energias do formato, Regice é a melhor defesa contra pokémons Ex e a Ancient Tarit do Articuno te da uma grande vantagem contra decks que não usam pokémons Ex. Com tanto equilíbrio entre aceleração, ataque e defesa, fica fácil entender o por que este deck se tornou o queridinho da galera na pré-temporada do Brasil.

          Com tanta popularidade era esperado que este deck dominasse os tops na primeira semana de Regionais, mas o que vimos foram muitos counter’s para Mega Manectric, assim Regirock, Giratina Ex e Lucario Ex foram impiedosos em São Paulo, mas apareceram com menos força no Rio de Janeiro o que possibilitou Mega Manectric de chegar a final,  infelizmente para Lucas Peverso, Victor Fretias e seu Night March estavam em um dia muito inspirado, e levarão o titulo do Regional da Point HQ.

M.Manectric


            Entre a enorme variedade de decks do Regional da Point, nenhum deles chamou mais à atenção do que Entei / Pyroar, não só por ter chegado ao Top 8 mais também por trazer de volta um pokémon que é adorado por alguns e odiado por muitos. Em uma aposta certeira para contornar o metagame, Cleisson Faria (ou Rick Faria com é chamado), foi a sensação do Regional da Point, por mostrar que Pyroar ainda é forte o suficiente para desestabilizar o meta.

ENTEI / PYROAR

Pokémon (12)

3x Entei (Ancient Trait)entei-ancient-origins-aor-15
1x Entei
2x Pyroar (Intimidating Mane)
2x Litleo
2x Shaymin Ex
2x Unow

Trainer (36)

4x Blacksmith
3x Professor Sycamore
2x Lysandre
1x Ace Trainer
3x Vs.Seeker
3x Muscle Band
1x Weakness Policy
2x Hard Charmpyroar-flashfire-flf-20-ptcgo-1
3x Ultra Ball
3x Trainer’s Mail
2x Switch
1x Escape Rope
2x Acro Bike
2x Battle Compressor
1x Eco Arm
1x Professor’s Letter
2x Scorched Earth

Energia (12)

4x D.C.E
8x Fire Energy
*Decklist Utilizada por Rick Faria

 

      Ambos os Entei’s da coleção Ancient Origins (Origens Ancestrais) são excelentes atacantes, conseguindo causar danos superiores a 100 com enorme facilidade. O Entei com Ancient Trait é o atacante principal do deck, apesar de parecer pesado, seus ataques são muito bons e o combo entre a sua Ancient Trait, que permite que você ligue duas Tools a ele, e seu ataque Heat Tackle, que causa 130 de dano, são uma excelente arma para derrubar alguns pokémon Ex em apenas um Hit.

      Se você simplesmente olhar para esta carta não vai acha-la nem um pouco interessante, por precisar de 4 energias para usar o seu melhor ataque, porém com o supporter Blacksmith e uma D.C.E você consegue monta-lo facilmente para atacar em apenas um turno, pegando o oponente de surpresa. O segundo atacante deste deck é outro Entei da coleção, seu ataque Combat Blaze causa 20+20 de dano para cada pokémon que o oponente tem no banco, conseguindo causar um belo estrago e sendo uma resposta rápida para um nocaute.

         Já nosso querido leão é uma tech para nos ajudar a ganhar tempo enquanto montamos os Entei’s para o ataque. A habilidade de Pyroar consegue para a maior parte dos pokémons do meta, além de ser uma outra boa opção de atacante.

Entei 5


     No dia seguinte 15/11, foi a vez da Legion Card Game de Niterói, sediar mais um Regional. Esse foi um torneio interessante, digamos que o meta se assustou e se adaptou ao resultado do torneio do dia anterior. Com medo de enfrentar novos decks com Pyroar, muitos jogadores optaram por jogar com a melhor mega evolução do formato e foram para Niterói de Mega Manectric / Regice.

         Alguns jogadores dizem que o Pokémon TCG esta chegando ao nível do jogo de Xadrez, e como em uma partida de xadrez, quem pensou duas jogadas a frente se deu muito bem. O que eu quero dizer com isso? Simples. Quem achou que a presença de Pyroar no Regional da Point HQ iria levar a um aumento de Mega Manectric’s no dia seguinte e se preparou para enfrenta-los, foi que se deu bem.

         E assim Henrique Toledo e Pedro Paulo levaram seus Lucario Ex / Bats para a final do regional da Legion CG, afirmando toda a força deste deck no Tier 1 do Brasil.

O Top 4 do Regional da Legion CG ficou assim:

1- Henrique Toledo- Lucario / Bats
2- Pedro Paulo- Lucario / Bats
3- Claudio Ferla- Mega Manectric / Lugia Ex / Seismitoad Ex
4- Andre Bortoni- P.Groundon

 

LUCARIO EX / BATS

Pokémon (19)

3x Lucario Exlucario-ex-furious-fists-frf-54-ptcgo-1
3x Hawlucha
2x Dedene
4x Zubat
3x Golbat
3x Crobat
1x Shaymin Ex

Trainer (31)

4x Professor Sycamore
3x Shauna
2x Lysandre
1x AZ
1x Ace Trainer
1x Xerosic
3x Vs.Seekercrobat-phantom-forces-phf-33
3x Muscle Band
2x Focus Sash
4x Ultra Ball
2x Enhanced Hammer
1x Switch
1x Professor’s Letter
3x Fight Stadium

Energia (10)

4x Strong Energy
6x Fight Energy
*Decklist Utilizada por Henrique Toledo

 

         Luacrio Ex / Bats é um deck com muitos benefícios, tem atacantes excelentes, causam muitos danos no primeiros turno com apenas uma energia, é um deck rápido e de jogabilidade simples, consegue derrubar praticamente todos os pokémon elétricos do formato com um ataque e não tem um counter direto no formato.

        Os morcegos se encaixam como uma luva neste deck, com a habilidade de Golbat’s e Crobat’s de colocar marcadores de dano quando evoluem, com essa ajuda Lucario Ex e Hawlucha conseguem derrubar grandes pokémon Ex com apenas um Hit.

        Contudo a grande dificuldade para este deck é Yveltal, que tem resistência ao tipo fight e gera muitos problemas para Lucario. Para equilibrar a partida contra Yveltal, muitos jogadores trouxeram nosso amigo Dedene (pior inimigo dos pokémon voadores) para este deck. Giratina EX / Aromarisse, também causa dor de cabeça para os tipos fight, que apesar de conseguirem causar enormes danos, dificilmente conseguem derrubar pokémons Ex em apenas um hit, assim Giratina se beneficia do estilo de jogo das fadas de negar os nocautes e se torna um das partidas mais duras para Lucario.

Lucario 5


 

GIRATINA EX / AROMATISSE

Pokémon (16)

3x Giratina Exgiratina-ex-ancient-origins-aor-57
4x Xerneas
3x Aromatisse
3x Spritzee
2x Shaymin Ex
1x Lugia Ex

Trainer (32)

4x Professor Sycamore
2x Professor Birch’s Observations
2x AZ
2x Lysandre
1x Cassius
4x Vs.Seekeraromatisse-xy-93-ptcgo-1
4x Ultra Ball
3x Super Sccop UP
2x Trainer’s Mail
1x Sacred Ash
1x Energy Recicler
3x Muscle Band
3x Fairy Garden

Energia (12)

4x D.D.E
8x Fairy Energy

 

        Entre os decks da maior regularidade nos Regionais do Brasil temos Giratina Ex / Aromatisse. Giratina esta no Top Five das cartas mais fortes do Formato, sua habilidade à deixa imune a Mega Evoluções, seu ataque causa um dano médio (100), mas tem um efeito que pode ser devastador em muitos decks, impedindo o oponente de baixar energias especiais, Tools e Estádios. Se isso não basta para você, então junte a ela os pokémons fada e sua estratégia de jogo de negar nocautes e você terá a receita para tirar o seu adversário do sério.

          A estratégia aqui e limpar os danos da Giratina sempre que possível, para quem já joga com fadas sabe exatamente como este deck funciona, mas se você nunca jogou com este tipo vou descrever o quanto esta estratégia e irritante.

         Basicamente você tem que começar o jogo com Xerneas como ativo usando o ataque Geomancy para acelerar as energias do deck, a habilidade de Aromatisse permite que você mova suas energias fadas em campo da forma que você desejar, assim sempre que uma de suas Giratina’s estiver com dano, basta mover as energias para outra com HP cheio e usar cartas com AZ, Super Scoop UP ou Cassius, para evitar que o oponente consiga nocautea-las.

Giratina


          Na terceira semana de Regionais, já tínhamos um metagame definido, com Lucario EX / Bats, Yveltal / Regirock e Night March mostrando muita força e consistência contra os demais decks, e Mega Manectric EX / Regice e Giratina EX / Aromatisse muito regulares se mantendo sempre entre os 8 melhores.

         No dia 21/11 tivemos o Regional da Live Games, no estado de Santa Catarina e se você acha que por termos um meta definido não tivemos surpresas, você esta redondamente enganado. Foi baseado na definição do meta que vimos dois pokémons muito fortes na temporada passada ressurgirem, novamente com muita força. Seismitoad Ex e Primal Groudon EX aproveitaram do insucesso de Vespiquen no Brasil, para mostrar que estão bem vivos na luta para se tornarem tier 1, fazendo a final do Regional da Live Games.

O Top 4 do Regional da Live Games ficou assim:

1- Willian Klim- Seismitoad Ex / Giratina Ex
2- André Bortoni- Primal Groundon
3- Gabriel Semedo- Yveltal Ex / Regirock / Lugia Ex
4- Nathalia Fernandes – Mega Manectric / Regice

 

PRIMAL GROUDON EX / HAWLUCHA

Pokémon (13)

3x Primal Groudon EXprimal-groudon-ex-primal-clash-pcl-86
3x Groudon EX
4x Hawlucha
3x Landuros

Trainer (36)

4x Professor Sycamore
4x Korrina
2x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x Maxie’s Hidden Ball Trick
4x Vs.Seeker
2x Ultra Ball
2x Professor’s Letterhawlucha-furious-fists-frf-63-ptcgo-1
3x Switch
3x Muscle Band
2x Focus Sash
2x Groudon Spirit Link
2x Silent Lab
3x Fighting Stadium

Energia (11)

4x Strong Energy
7x Fighting Energy

 

            Primal Groudon já provou toda a sua força ao conquistar o nacional do Brasil de 2015 e de outros países pelo mundo. Porém acabou sendo abandonado no inicio desta temporada devido a crescente popularidade de Vespiquen, que bate na fraqueza de P.Groudon e consegue nocautear todos os pokémons do deck com muita facilidade. As vespas não vingaram e P.Groudon ressurgiu derrubando todos os inimigos que apareciam pela frente em apenas um Hit.

       As únicas desvantagens deste deck são o custo elevado do ataque e de recuo do P.Groudon, pois o resto é só vantagens. Com todo o suporte de aumento de dano que o tipo fight recebe, Landuros é capaz de nocautear facilmente os pokémons que não são Ex, Hawlucha cuida dos Ex’s adversários causando danos altos com uma energia, facilitando o jogo para que P.Groudon consiga nocautea-los sem depender do estádio em campo. Para parar as mega evoluções você só precisa de um estádio em campo e P.Groudon é capaz de causar danos superiores a 200.

         Este deck é muito forte e tem partidas boas contra quase todos os outros deck’s, mas para na habilidade de Giratina Ex  e foi para este pokémon que P.Groudon perdeu o titulo do Regional de Santa Catarina.

Primal Groudon


          No sábado em Santa Catarina e no domingo Paraná, dia 22/11 foi dia de Regional na Mereru, na cidade de Curitiba. Aqui tivemos um torneio bastante equilibrado e desta vez sem surpresas, Yveltal / Regirock, Seismitoad Ex / Giartina Ex e Lucario / Bats, se mantiveram entre os primeiros colocados e Mega Manectric / Regice e Giratina / Aromatisse, reafirmaram sua regularidade se mantendo entre os 8 melhores.

O Top 4 do Regional da Mereru ficou assim:

1- Pedro Henrique- Lucario Ex / Bats
2- Paulo Martins- Seismitoad Ex / Giratina Ex
3- Mauricio D’Avila- Yveltal Ex / Regirock / Raichu
4- Cassiano Mendes(Chuck)- Yveltal Ex / Regirock

 

SEISMITOAD EX / GIRATINA EX

Pokémon (10)

3x Sesimitoad Exseismitoad-ex-furious-fists-frf-20-ptcgo-1
3x Giratina Ex
2x Shaymin Ex
1x Hoopa Ex
1x Lugia Ex

Trainer (40)

4x Professor Sycamore
2x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x AZ
1x Hex Maniac
1x Team Flare Grunt
4x Vs.Seeker
4x Ultra Ball
3x Muscle Bandgiratina-ex-ancient-origins-aor-57
3x Trainer’s Mail
3x Super Scoop UP
4x Crushing Hammer
2x Enhanced Hammer
2x Switch
1x Head Ringer
1x Silent Lab
2x Fadded Town

Energia (10)

4x D.C.E
4x D.D.E
1x Grass Energy
1x Psychic Energy

 

           Este é um deck do qual eu não gostaria de falar, eu fico aqui tentando entender o que leva as pessoas a criarem decks que simplesmente impedem o oponente de jogar. Mas como temos que ser imparcial, então vamos lá.

         Seismitoad EX / Giratina EX venceu o Regional da Live Games e ficou em Segundo no Regional da Mereru. Este deck é formado pelas duas cartas mais fortes do formato (*NA MINHA OPNIÃO), que juntas são capazes de inutilizar 50% ou mais do deck do oponente.

         Seismitoad consegue travar os itens do adversário já no T1, isto atrasa tanto o setup do oponente que muitas vezes ele não tem tempo de se recuperar. O dano de Seismitoad pode até ser baixo, mas o estrago que ele é capaz de causar na estratégia adversária é incalculável, te dando tempo mais que suficiente para montra seu grande atacante, Giratina Ex. Com Giratina como ativo você fica imune as mega evoluções, além do efeito do seu ataque impedir que o oponente jogue estádios, ferramentas pokémons e energias especiais da mão dele para o campo.

        Este deck é tão chato que você pode escolher de qual forma quer travar seu oponente, ou controlar o jogo para que ele não consiga usar cartas importantes e seu deck simplesmente não funcione, felizmente ainda temos decks que conseguem equilibrar as coisas contra Seismitoad EX / Giratina EX. Aegislash EX é uma boa tech contra este deck, sua habilidade não te livra do lock, mas te protege do dano, já que praticamente todas as energias do deck de sapo são  energias especiais. Secptile Ex / Bats  que vem se tornando um deck forte mundo a fora, por esta se mostrando muito eficiente contra Seismitoad / Giratina e outros decks que não usam mega evoluções, também é uma ótima opção de counter contra este deck. Falaremos um pouco mais sobre Secptile Ex / Bats daqui a pouco.

Seismitoad 3


           Do Sul para o Nordeste, tivemos no último fim de semana de Novembro o Regional da MMG, em Fortaleza, Ceara. Podemos até dizer que Fortaleza é terra de Night March, devido ao grande numero de jogadores que optaram por jogar com este deck e a sua forte presença no Top 8.

        Com a forte presença deste deck no torneio, já era de se esperar que ele consegui-se chegar a final, e foi o que aconteceu,  pelas mão de Sid Guimarães, outra lenda do Pokémon TCG no Brasil, Night March foi a final perdendo para o deck sensação da temporada Yveltal / Regirorck.

O Top 4 do Regional da MMG ficou assim:

1- Bruno Gomes- Yveltal / Regirock / Seismitoad Ex
2- Sid Guimarães- NightMarch / Milotic
3- Pedro Victor- Mega Manectric / Regice / Bats
4- Thiago Silva- NightMarch / Milotic

 

NIGTH MARCH / MILOTIC

Pokémon (20)

4x Joltikpumpkaboo-phantom-forces-phf-44
4x Pumpkaboo
4x Lampent
3x MiIotic
3x Feebas
2x Shaymin Ex

Trainer (36)

4x Professor Sycamore
3x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x Teammates
1x Hex Maniac
1x AZmilotic-primal-clash-pcl-44
4x Vs.Seeker
4x Battle Compressor
4x Ultra Ball
3x Muscle Band
2x Trainer’s Mail
2x Revive
1x Escape Rope
4x Dimension Valley

Energia (4)

4x D.C.E

 

       A estratégia de Night March é simples e conhecida por todos, descartar o maior numero de pokémons possíveis com o ataque Night March, para causar danos altíssimos nos primeiros turnos de jogo, nocauteando os pokémons do oponente em apenas um Hit e não dando tempo para que ele monte seu setup.

        A grande novidade aqui é a presença de Milotic, sua habilidade permite que você pegue qualquer carta da pilha de descartes e coloque em sua mão, quando ela evolui. Dessa forma, você consegue contornar o maior problema deste deck, que é o uso de apenas 4 energias, recuperando-as sempre que for preciso.

       Night March venceu o Regional do Rio de Janeiro e vem se mantendo sempre entre os primeiros colocados nos outros Regionais. Este deck só não tem dominado o meta brasileiro, devido ao alto número de decks que usam Bats como parceiros. Só com a habilidade de Golbat e Crobat já é possível nocautear boa parte dos pokémons do deck e como os morcegos são sniper’s e usam uma energia incolor para atacar, podemos considerar qualquer deck que use Bats, uma partida muito desfavorável para Night March.

Lampent


         Dezembro começou com os Regionais do Centro-Oeste do país. No dia 05/12 foi a vez da Paldins Games sediar o evento. E quando achamos que o meta iria se estabilizar, e Seismitoad, Night March, Lucario e Yveltal  iriam se isolar no tier 1, eis que tivemos uma nova surpresa, o renascimento dos pokémon grass no formato.

      Também não podemos dizer que foi tão surpreendente assim. Com Seismitoad EX / Giratina EX ganhando muita força nas semana anteriores, já era esperado que um counter surgisse para este deck e em um formato onde temos poucas opções, Sceptile Ex e Vespiquen surgem como as melhores armas contra o sapo. E foi nesta aposta que Luiz Neto, colocou seu deck de Sceptile Ex / Bats entre os 4 melhores deck do Regional de Goiânia.

O Top 4 do Regional da Paladins Games ficou assim:

1- Fabio Lona- Manectric EX / Wobbuffet / Bats
2- Lucas Stinguel- Lucario Ex / Bats
3- Luiz Neto- Sceptile Ex / Ariados / Bats
4- Andre Bortoni- Night March

 

SCEPTILE EX / BATS

Pokémon (18)

4x Sceptile Exsceptile-ex-ancient-origins-aor-7
2x Ariados
2x Spinarak
4x Zubat
3x Golbat
3x Crobat

Trainer (34)

4x Professor Sycamore
3x Professor Birch’s Observations
2x Lysandre
1x AZ
4X Vs.Seeker
3x Ultra Ballcrobat-phantom-forces-phf-33
3x Level Ball
3x Muscle Band
3x Super Scoop UP
2x Trainer’s Mail
2x Switch
1x Sacred Ash
3x Forest os The Giant Plants

Energia (8)

8x Grass Energy

 

         Como já mencionei acima, este é um deck que vem ganhando muita força mundo a fora, em parte pela sua eficiência contra deck’s de Seismitoad EX e parte por jogar bem contra decks que não possuem mega evoluções.

        A estratégia deste deck é muito parecida com a que analisei aqui na Delta a alguns meses atrás. O foco é o ataque Unseen Claw do Sceptile Ex, que causa 60 de dano + 70 caso o pokémon defensor esteja afetado por alguma condição especial. Somando este dano à habilidade dos morcegos e a Tool Muscle Band, chegamos fácil aos 170/180 de dano suficientes para derrubar qualquer pokémon básico do jogo em apenas um Hit. Para garantir a condição especial no adversário a todo turno é que temos Ariados no deck, a habilidade de Ariados envenena ambos os pokémons ativos que não forem do tipo planta, desta forma você garante a condição especial no Pokémon adversário sem afetar seu Sceptile.

       A grande dificuldade para este deck são as mirror’s e partidas contra outros decks grass, já que contra estes a habilidade de Ariados não funciona e assim seu dano cai consideravelmente. O supporter Hex Maniac, também é um pesadelo para este deck, passar dois turnos ou mais sem poder usar a habilidade dos morcegos e do Ariados, provavelmente vai te levar a derrota.

Sceptile


 

      O último Regional realizado até o momento, aconteceu na capital do país, a loja Empório dos Jogos foi a responsável por sediar o Regional de Brasília, no domingo 06/12. Em Brasília vimos um deck diferente chegar a final, confesso a vocês que não tinha pensado nesta combinação ou se quer ouvido falar dela e este é um descuido que um jogador profissional nunca pode cometer. Joaquim Postal levou Vespiquen / Bats para a final contra os Yveltal’s de Gabriel Semedo, mas não foi capaz de supera-lo, ficando em segundo lugar no Regional da Empório dos Jogo.

      Gostaria de trazer uma análise deste decks para vocês, mas como não encontrei nenhuma lista consistente e segura, decidi deixar para uma próxima oportunidade. Ou quem sabe o Joaquim seja solidário e compartilhe conosco sua decklist ! 😀


 

CONCLUSÃO

         Até o momento tivemos muitos decks presentes entre os 8 melhores dos vários Regionais pelo país. Porém alguns se mostraram mais eficazes e que outros, e são este os decks que podem ser considerados TIER 1 no Brasil, entre eles:

  • Yveltal / Regirock
  • Lucario EX / Bats
  • Night March

       Outros deck mostraram muita consistência se mantendo entre os 8 melhores em praticamente todos os Regionais, mais não conquistando resultados expressivos, podemos considerar estes decks como TIER 1,5 no Brasil, entre eles:

  • Mega Manectric EX / Regice
  • Giratina EX / Aromatisse
  • *Sieismitoad Ex / Giratina Ex
  • *Primal Groudon / Variantes

 

         Seismitoad EX / Giratina EX é um deck muito forte e já fez duas finas de Regionais no SUL do país, como este deck não teve presença considerável nas demais regiões do Brasil, alguns jogadores poderão considera-lo como deck Tier 2, mas por conhecer todo o potencial e força deste deck, decidi considera-lo como Tier 1,5.

       Primal Groudon esta no mesmo caso do deck acima, este é um deck que já mostrou toda a sua força e se mais jogadores passarem a utiliza-lo, ele com certeza subirá ao Tier 1.

     Os demais decks, demonstraram valor, mas não foram consistentes o bastante para conseguir resultados mais relevantes do que apenas estar presente no top 8, ou conseguir mais do que apenas uma vitória em um regional, assim podemos considera-los como decks TIER 2, entre eles :

  • Mega Rayquaza EX / Variantes
  • Manectric Ex / Wobbuffet
  • Sceptile Ex / Bats
  • Vespiquen / Bats
  • Mienshao
  • Raichu / Bats
  • Entei / Pyroar

 

         Ainda teremos mais alguns Regionais no Brasil e se você esta se preparando para o evento da sua cidade, considera todos os dados expostos nesta matéria e os resultados da semana anterior. Com uma boa estratégia e com a ajuda da matemática, você será capaz de prever o que irá enfrentar e se preparar da melhor forma possível para se tornar o novo campeão Regional do seu estado.

Ate a Próxima.

donates 1

Anúncios